Resenha do K-drama com o oppa lindão Lee Min Ho e com a diva Son Ye-jin.Vem comigo!



Título original:  개인의 취향; Kaeinui Chwihyang;
Título em Inglês: Personal Taste
Episódios: 16
Emissora: MBC
Gênero:  Romance, Comédia
Ano:   2009
Roteirista: Kim Hee-ju
Atores Principais: Son Ye-jin & Lee Min-ho

Sinopse: Park Kae In (Son Ye Jin) é uma designer de móveis desajeitada e sem muita notabilidade, que namora Chang Ryul (Kim Ji Suk), um cara idiota e prepotente, que não lhe dá a mínima e é filho de um importante homem inescrupuloso. Enquanto Jeon Jin Ho (Lee Min Ho) é um arquiteto muito perfeccionista, fanático por limpeza, determinado e obstinado em alavancar sua empresa.Eles se conhecem por acaso devido a muitas coincidências, mas ao descobrir que Kae In mora na casa que inspirou um projeto no qual ele competirá, Jin Ho pede para alugar um quarto e assim tentar descobrir algum segredo para colocar em seu projeto e ganhar o concurso. Graças a alguns incidentes que a levou crer que ele era homossexual, Kae In o aceitou em sua casa, só pensando nas vantagens de se ter um "amigo gay".



Em um dia comum na vida de Gae In, uma designer de móveis que até agora não teve muito sucesso, conhece por coincidência Jin Ho um arquiteto com mania de limpeza e perfeccionista. Seguindo uma serie de coincidências Jin Ho descobre que Gae In mora na casa onde ele precisa estudar para fazer um projeto que salvará sua empresa, na qual está com problemas.


Enquanto isso Gae In leva um fora - um dos piores que já vi - do seu namorado e no outro dia descobre que o mesmo irá casar com sua  companheira de casa e melhor amiga Kim In Hee. Decepcionada e ferida Gae In resolve procurar outra pessoa para morar no quarto vazio.


Sabendo que Gae In vai alugar o quarto Jin Ho tenta morar lá mas ela não aceita seguindo outra serie de acontecimentos - alguns mal entendidos - a mesma começa a pensar que Jin Ho é na verdade gay e convencida por sua amiga sobre os beneficios de ter um amigo gay ela acaba deixando ele viver em sua casa. Então desse jeito ganhamos cenas fofas e cenas hilárias.


Mas o que era pra ser uma simples convivência da parte de Jin Ho e uma simples amizade da parte de Gae In acaba se tornando amor!


Para mim que sou simplesmente apaixonada por dramas que envolvam os personagens morarem juntos esse é um dos melhores. Eu simplesmente  amei Personal Taste, mas não só por isso também foi pelo fato do dorama ser envolvente, sabe? O romance é leve e não tem muitas reviravoltas no caminho dos dois. Além de ser muito fofo!


O dorama também tem seus momentos de drama, porém dorama que é dorama tem que ter! Mas são momentos pequenos que logo é superado pela forte amizade que o casal tem um com o outro. Que no caso se torna um ponto interessante do dorama; a amizade que os dois tem, afinal qual o homem que atravessa a cidade apenas para comprar absorvente para uma mulher e quando chega em casa ainda faz massagem para a dor passar? Esse homem é o Jin Ho. 


O casal é apaixonante do começo ao fim, eles enrolam um pouco para confessar seus sentimentos que sentem um pelo outro porém se o casal já era fofo antes imagina depois que se confessam e passam a namorar...


Mas como em todos os doramas tem que ter alguma bitch pra querer acabar com a felicidade do casal e nesse é Kim In Hee, olha eu realmente não sou de odiar - muito - as bitchs mas essa foi um caso especial. ô mulher invejosa, a Gae In não podia se apaixonar que ela QUERIA o cara para si. Mas ela teve o que mereceu no final.


Ok, eu sei que no começo o Chang Ryul foi um tremendo sacana porém com o tempo eu realmente comecei a gostar do cara. Só acho que ele foi perceber muito tarde o que sentia pela Gae In, sendo que quando percebeu ela já era do Jin Ho. Acho que deveria ter surgido alguém para ele.


Se tem um  homem no mundo que sabe ser gay é o Diretor Choi, aquele ali tem é que da aula de como ser gay por que o cara não dá nenhuma pinta e sabe se portar melhor que muito machão por aí. Sofri mais com ele do que com qualquer outro personagem e achei que faltou um boy magia para ele também.


Legal mesmo era o Sang Joon e a Young Sun, a graça do dorama era eles. Sang Joon fingia ser gay também e ainda por cima fingia ser amante de Jin Ho, com isso eles dois criaram uma grande amizade - eu ria demais quando ele a chamava de "Unnie". huehue

                

Outro fato que marcou o drama foi o beijo Game Over... Assista para entender e amar também!



Conclusão: Apaixonante, leve e engraçado. Esse é Personal Taste que super vale a pena assistir.

OST

       

       

       

Onde assistir Online: Viki | Dramafever

2 Comentários

  1. Oiie!
    Estou vendo o dorama no momento, e estou gostando. Lee Min Ho é um ótimo ator <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Rena, estava com saudade dos seus coments por aqui... E realmente esse oppa é outro nível!

      Excluir

Gostou do post? Então deixe um comentário!